Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Putin poderia ter tido conhecimento sobre invasão ao Capitólio, sugere Hillary Clinton

© REUTERS / Brian SnyderPresidenciável democrata Hillary Clinton ouve enquanto ela é anunciada em um comício de campanha em Las Vegas, em Nevada, EUA, em 2 de novembro de 2016
Presidenciável democrata Hillary Clinton ouve enquanto ela é anunciada em um comício de campanha em Las Vegas, em Nevada, EUA, em 2 de novembro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Hillary Clinton falou com a presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, em seu podcast sobre a invasão ao Capitólio e sugeriu que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, poderia ter recebido atualizações sobre o caos do presidente Donald Trump.

Clinton, ex-secretária de Estado dos EUA, que apresenta o podcast You And Me Both (Você e Eu Ambos na tradução), disse à presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, que estaria interessada em obter os registros telefônicos de Trump para saber se ele estava ao telefone com Putin enquanto o Capitólio era invadido.

"Gostaria de ver seus registros telefônicos para saber se ele estava falando com Putin no dia em que os rebeldes invadiram nosso Capitólio", disse Clinton.

Ela perguntou a Pelosi se a presidente acredita que o país se beneficiaria com uma investigação semelhante a que foi realizada após os ataques de 11 de setembro de 2001 para descobrir o que exatamente levou à invasão ao edifício do Congresso.

Pelosi destacou que é favorável à comissão investigativa e lembrou ter dito ao presidente que "com você, senhor presidente [Donald Trump], todos os caminhos levam a Putin".

"Eu não sei o que Putin tem sobre ele [Trump] política, financeira ou pessoalmente, mas o que se passou na semana passada foi um presente para Putin, porque o presidente russo quer minar a democracia em nosso país e em todo o mundo", afirmou Pelosi.

A presidente da Câmara dos Representantes classificou os participantes da invasão ao Capitólio como "fantoches de Putin".

​O Congresso precisa estabelecer um órgão investigativo como a Comissão do 11 de setembro para determinar os laços de Trump com Putin, para que possamos reparar os danos à nossa segurança nacional e evitar que um fantoche ocupe a presidência novamente.

"Então sim, devemos ter uma Comissão do 11 de setembro [Comissão Nacional sobre Ataques Terroristas nos EUA] e há forte apoio no Congresso para que seja realizada", concluiu Pelosi.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала