Protestos contra racismo continuam em Minneapolis (VÍDEO)

© REUTERS / Carlos BarriaManifestantes carregam um cartaz em Minneapolis pedindo justiça para George Floyd
Manifestantes carregam um cartaz em Minneapolis pedindo justiça para George Floyd - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
No início desta semana, o governador de Minnesota, Tim Walz, convocou a Guarda Nacional para conter a agitação civil na cidade. É a primeira vez em 12 anos que a Guarda é mobilizada no estado.

Os protestos em Minneapolis, no estado de Minnesota, continuam neste domingo (31). Os atos também acontecem desde 25 de maio, após a morte do ex-segurança George Floyd.

Os protestos eclodiram após a publicação de um vídeo, mostrando Floyd sendo preso pelo policial Derek Chauvin. O representante da lei pressionou o joelho contra o pescoço do homem. Floyd dizia repetidamente aos policiais que não estava conseguindo respirar até parar de responder. Mais tarde, o homem morreu em um hospital local.

Os quatro policiais envolvidos foram demitidos, enquanto Chauvin foi acusado de homicídio e homicídio culposo em terceiro grau.

Manifestações também foram registradas em diversas outras cidades norte-americanas, como em Nova York e em Washington. Neste sábado (30), a polícia de Washington cercou a Casa Branca para impedir o acesso de manifestantes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала