Saiba a qual distância se manter de pessoas para evitar coronavírus

© REUTERS / Mark LennihanMulher anda com máscara pelas ruas de Nova York
Mulher anda com máscara pelas ruas de Nova York - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Famoso epidemiologista japonês, Sato Akihiro revela quantos metros são necessários entre pessoas e sob quais condições o contato entre elas diminui o risco de contaminação.

Em entrevista à Sputnik, Sato Akihiro declarou:

"Por exemplo, em caso de haver dezenas de milhares de pessoas reunidas, mas elas se mantiverem a uma distância entre 1,5 e 2 metros entre si, e isso ocorrer na rua, e não conversarem entre si, isso será muito mais seguro do que se reunirem até menos pessoas, em um recinto não ventilado e elas ficarem a uma distância de 30 centímetros e conversarem."

Desta forma, o epidemiologista diz que o maior risco não está no número de pessoas que se concentram em um determinado local, mas, sim, na distância entre elas e se o ambiente é ventilado ou não.

Para Akihiro, o risco de contaminação em um lugar fechado, tendo cem ou mil pessoas é o mesmo, a exemplo de lugares como reuniões, e shows de música em recintos fechados.

Contudo, o risco de contaminação em lugares abertos não é totalmente excluído por Akihiro.

Contaminação em massa

Na semana passada, o premiê japonês, Shinzo Abe, declarou quais são os três fatores-base de contaminação em massa, quando uma pessoa transmite o vírus para muitas outras.

O primeiro é se elas se reúnem em um lugar fechado. O segundo é se estão sentadas ou em pé a uma distância curta entre si. O terceiro é se conversam, cantam ou gritam a uma distância próxima.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала