Restrições impostas por coronavírus diminuem poluição na Europa

© AP Photo / Will KincaidPoluição do ar (foto de arquivo)
Poluição do ar (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os satélites de observação da Terra da agência espacial da União Europeia detectaram uma redução significativa no poluente dióxido de nitrogênio no norte da Itália.

A região italiana passa por restrições de movimento para combater o coronavírus, informa a agência de notícias Associated Press.

O Serviço de Monitoramento de Atmosfera Copernicus da agência informou nesta terça-feira (17) que, com as "mudanças bruscas nos níveis de atividade" no norte da Itália, há uma "tendência de redução" de dióxido de nitrogênio, ou NO2, nas últimas quatro a cinco semanas.

Até agora, a Itália foi o país mais atingido na Europa pelo novo coronavírus, e o governo implementou um amplo bloqueio, incentivando seus 62 milhões de pessoas a ficar em casa, a menos que seja absolutamente necessário sair.

Quedas semelhantes de poluentes foram detectadas na China depois que o governo implementou paralisações generalizadas para tentar retardar a disseminação da COVID-19.

O NO2 é um poluente de curta duração, permanecendo na atmosfera geralmente menos de um dia antes de ser depositado ou reagir com outros gases, o que significa que permanece bastante próximo de onde foi emitido, informou a agência.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала