Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Criado modelo 3D bizarro de como será raça humana dentro de mil anos

© Sputnik / Ramil Sitdikov / Abrir o banco de imagensRobô humanoide Sophia (foto de arquivo)
Robô humanoide Sophia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga no
Uma empresa criou um modelo 3D de um futuro ser humano tendo em conta as alterações pelas quais o corpo passa por uso excessivo de 'gadgets', e o resultado é mesmo assustador.

Uma empresa criou um modelo 3D de um futuro ser humano considerando as alterações no corpo devido ao uso constante de tecnologia e o resultado é bizarro e aterrador.

Assim será o corpo de um ser humano no ano 3000 devido ao uso constante de tecnologia! Investigadores criaram Mindy, um modelo 3D de um humano do ano 3000, que apresenta alterações evolutivas como a mão em forma de garra, o crânio mais grosso e o corpo curvado.

Apelidada de 'Mindy' a humana de um futuro relativamente próximo tem as costas curvadas, parecendo uma corcunda, alteração causada pela quantidade de tempo que passa sentada em frente da tela do computador em casa ou no escritório e mexendo em celulares inteligentes, de acordo com TollFreeForwarding.

Crânio mais grosso, mas cérebro mais pequeno

Para evitar danos causados pela má postura, os músculos do pescoço irão crescer devido ao mesmo problema – o uso constante de smartphones e estar frequentemente em frente do computador.

O seu crânio ficará mais grosso, protegendo dessa maneira o cérebro da radiação de radiofrequência emitida pelos celulares, o que de acordo com alguns cientistas pode ter sérias implicações para a saúde.

O cérebro também irá encolher, segundo a recente teoria cientifica de que o estilo de vida sedentário está reduzindo a capacidade cerebral humana.

Por estar constantemente com o celular inteligente na mão, esta irá se transformar em uma espécie de garra, o cotovelo ficará dobrado em uma posição de 90 graus pela razão de estar demasiado tempo a segurar o smartphone.

Talvez a mudança mais bizarra que poderá se formar ao longo deste período de tempo é o segundo par de pálpebras para filtrar a luz excessiva emitida pelos dispositivos tecnológicos.

Sendo que este modelo pode ser considerado exagerado e feito para impactar, é um fato real que, devido às horas que passamos em frente aos computadores e sempre agarrados aos celulares inteligentes, isso está mudando os nossos crânios.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала