- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

'É por dinheiro', diz Mourão sobre militar pego em avião presidencial com R$ 10 milhões em cocaína

© Foto / José Cruz/Agência BrasilO vice-presidente da República, General Hamilton Mourão durante sessão solene de abertura do Ano Judiciário de 2019 realizada no STF.
O vice-presidente da República, General Hamilton Mourão durante sessão solene de abertura do Ano Judiciário de 2019 realizada no STF. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) comentou nessa quarta-feira (26) o episódio do militar preso na Espanha com 39 quilos de cocaína no avião reserva da presidência da República.

"Acredito que esse militar aí é questão de dinheiro, né? Então você sabe que o dinheiro é algo... o vil metal corrompe. A pessoa tem que ser muito forte mentalmente, muito ciosa dos seus valores e dos seus deveres para não ser corrompida", disse Mourão à Rádio Gaucha.

A apreensão na aeronave da Força Área Brasileira (FAB) ocorreu quando ela fazia uma escala em Sevilha. O destino final era Osaka, no Japão, onde o presidente Jair Bolsonaro irá participar da cúpula do G20.

Bolsonaro mudou sua rota após o episódio, revelou o UOL, e deixará de fazer escala em Sevilha para parar em Lisboa, em Portugal. 

Segundo o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime, o preço da grama da cocaína na Espanha no varejo é de US$ 64. Os 39 quilos, portanto, têm valor aproximado de US$ 2,5 milhões, ou de R$ 10 milhões. 

O militar, afirma a revista Veja, é o segundo-sargento Silva Rodrigues, de 38 anos, e atuava no Grupo de Transportes Especiais da FAB como comissário de bordo. Ainda de acordo com a publicação, Rodrigues não tem cargo na Presidência da República. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала