Boeing atualiza software para aviões 737 MAX envolvidos na morte de 346 pessoas

© AFP 2022 / Jason RedmondBoeing 737 MAX
Boeing 737 MAX  - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Companhia Boeing finalizou a atualização do software de controle de voo MCAS (Sistema de Aumento de Características de Manobra) para a família de aviões comerciais 737 MAX, que em menos de cinco meses foram responsáveis pela morte de 346 pessoas em dois voos.

Segundo a fabricante Boing, mais de 207 voos foram realizados com a atualização do MCAS, somando 360 horas no ar.

Boeing destaca que entregará dados suplementares à Administração Federal de Aviação dos EUA (FAA, na sigla em inglês) sobre como os pilotos interagem com os controles e dados exibidos pelo avião em diferentes cenários de voo. Depois serão realizadas convenções sobre o primeiro voo com o software atualizado.

Boeing 737 Max - Sputnik Brasil
Boeing não pretende corrigir problemas do avião 737 Max, segundo relatos

Em março, um Boeing MAX 8 da companhia Ethiopian Airlines com 157 a bordo caiu perto da cidade etíope de Bishoftu, já, em outubro de 2018, um avião do mesmo tipo da linha aérea indonésia Lion Air caiu e matou 189 pessoas.

A sequência de catástrofes fez com que 20 países fechassem zona aérea para voos destes aviões e várias companhias parassem de usar aviões Boeing Max 8.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала