May vence voto de não confiança e segue como primeira-ministra

© REUTERS / Toby MelvilleBritain's Prime Minister Theresa May
Britain's Prime Minister Theresa May - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A primeira-ministra britânica Theresa May venceu, nesta quarta-feira (12), o chamado "voto de não confiança" convocado por membros de seu Partido Conservador.

Em caso de derrota, ela teria que deixar o cargo de premiê.

"O resultado da votação nessa tarde é de que o Parlamento tem confiança [em May]", afirmou ao jornal The Guardian Graham Brady. Ele é líder do Comitê 1922, órgão responsável por organizar o voto de não confiança. 

May recebeu 200 votos por sua permanência e 117 contra. 

An employee is seen walking over a mosaic of pound sterling symbols set in the floor of the front hall of the Bank of England in London - Sputnik Brasil
Taxa de emprego no Reino Unido tem alta recorde, mesmo com temores sobre o Brexit
Ela enfrenta uma turbulência por conta do descontentamento da oposição e de seu próprio partido por conta dos termos do Brexit, a saída do Reino Unido da União Europeia. 

Agendado para 29 de março de 2019, o Brexit segue indefinido. Ele poderá ser atrasado ou até mesmo votado novamente. 

Na segunda-feira, May cancelou a votação do Brexit no Parlamento após indicações de que o trato de divórcio feito com Bruxelas seria derrotado. 

Com a vitória no voto de não confiança, defensores de May dizem que o resultado mostra que agora o Partido Conservador irá apoia-lá. Entretanto, os defensores ferrenhos do Brexit argumentam que o acordo costurado por May é uma traição do referendo de 2016 e ela deve renunciar.  

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала