Pompeo promete uma 'diplomacia dura' para defender os EUA de ameaças externas

Nos siga noTelegram
O novo secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, prometeu conduzir uma política externa "dura" para se contrapor às ameaças ao país, incluindo à "ameaça russa".

Na quarta-feira, Pompeo tomou posse oficial do seu cargo no prédio do Departamento de Estado em Washington, na presença do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e do vice-presidente Mike Pence.

"Senhor presidente, eu prometo. Eu e minha equipe combateremos as ameaças de forma incansável. Vamos conduzir uma diplomacia dura, quando for necessário, colocando os interesses dos americanos em primeiro lugar. Eu vou trabalhar para garantir a segurança, defender os direitos e os valores [dos americanos], de modo a assegurar que América sempre será um líder respeitado na arena internacional", disse Pompeo.

Bandeira israelense com a Cidade Velha de Jerusalém em fundo, 6 de dezembro de 2017 - Sputnik Brasil
EUA: programa nuclear de Israel não será discutido até que vizinhos árabes reconheçam país
Ao comentar as ameaças atuais, o novo secretário de Estado destacou uma série de sucessos da administração Trump, inclusive no combate contra o grupo terrorista Daesh na Síria e no Iraque. Pompeo sublinhou a determinação de Trump de se opor a "qualquer manifestação agressiva do Irã", e de ter provocado "consequências sensíveis para a Rússia pelos seus atos de agressão". 

Entre os principais objetivos externos do país, o político citou a solução da crise nuclear com a Coreia do Norte, bem como a normalização das relações comerciais e econômicas com a China.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала