Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Balde de água fria: 'Não temos intenção de falar com os EUA', diz Coreia do Norte

© AP Photo / Vincent ThianBandeira da Coreia do Norte exposta na embaixada do país em Kuala Lumpur, na Malásia
Bandeira da Coreia do Norte exposta na embaixada do país em Kuala Lumpur, na Malásia - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Coreia do Norte não tem intenção de se reunir com autoridades dos EUA durante as Olimpíadas de Inverno que começam nesta sexta-feira, informou a agência oficial norte-coreana de notícias KCNA, citando um alto funcionário norte-coreano.

O Ministério da Unificação de Seul disse na quarta-feira que a irmã do líder norte-coreano, Kim Jong-un, Kim Yo-jong, planejava visitar a Coreia do Sul como parte de uma delegação de alto nível para participar da cerimônia de abertura das Olimpíadas na cidade de Pyeongchang, cidade alpina sul-coreana.

A abertura também contará com a presença do vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, que prometeu novas e duras sanções contra Pyongyang sobre seus programas nucleares e de mísseis também na quarta-feira, chamando-o de regime mais tirânico do mundo.

A U.S. Army M1A2 tank crosses Nam Han river on a South Korean military barge during a joint military exercise between the U.S. and South Korea in Yeoncheon near the border with North Korea, in South Korea, Thursday, May 30, 2013 - Sputnik Brasil
Coreia do Norte: Exercícios militares empurrarão península coreana 'para a catástrofe'

"Nós nunca pedimos diálogo com os Estados Unidos e será assim no futuro", informou a KCNA nesta quinta-feira, citando Cho Yong-sam, diretor-geral do departamento norte-americano do Ministério de Relações Exteriores da Coreia do Norte.

"Para ser claro, não temos intenção de nos encontrar com os EUA durante a nossa visita à Coreia do Sul", afirmou a agência norte-coreana.

Cho disse que a visita da delegação norte-coreana às Olimpíadas de Inverno foi apenas para comemorar os Jogos e que Pyongyang não tinha intenção de usar as Olimpíadas de Inverno como um veículo político.

Anteriormente, Seul disse apoiar um possível encontro entre autoridades estadunidenses e norte-coreanas, aproveitando o momento de reabertura do diálogo entre as duas Coreias. Há o temor de que a crise recomece tão logo os Jogos terminem em Pyeongchang.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала