Trump felicita militares por 'representar bem dos EUA' em ataque contra a Síria

© AFP 2022 / Nicholas Kamm16 de fevereiro, 2017. O presidente dos EUA Donald Trump fala com a imprensa
16 de fevereiro, 2017. O presidente dos EUA Donald Trump fala com a imprensa - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente dos EUA, Donald Trump, felicitou o exército dos EUA pelo bem-sucedido ataque com mísseis contra a base da Força Aérea da Síria.

Imagens da base aérea de Shayrat após ataque - Sputnik Brasil
'EUA não conseguiram apresentar qualquer prova da existência de armas químicas em Shayrat'
"Parabéns aos nossos grandes militares pela representação dos Estados Unidos e do mundo, tão bem no ataque da Síria", disse Trump no Twitter.

Na noite de quinta-feira, os Estados Unidos realizaram um ataque com mísseis contra a base de Shayrat, localizada a cerca de 40 quilômetros da cidade de Homs, alegando, sem provas, que o ataque químico de Idlib teria sido realizado a partir do local.

Segundo o Departamento de Defesa dos EUA, um total de 59 mísseis de cruzeiro Tomahawk foram lançados durante o ataque. O Ministério da Defesa da Rússia disse que apenas 23 dos 59 mísseis atingiram seu alvo. Por sua vez, um oficial de defesa dos EUA disse à Sputnik que esta informação estava incorreta.

O governador de Homs disse que sete pessoas foram mortas — cinco soldados e dois civis. De acordo com o Ministério da Defesa da Rússia, dois soldados sírios estavam desaparecidos, quatro foram mortos e seis feridos. As forças armadas sírias disseram que o ataque matou dez soldados sírios.

No início do dia, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, afirmou que o ataque de mísseis dos EUA contra o aeroporto militar sírio violava o direito internacional.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала