Erdogan comenta planos dos EUA para libertar Raqqa

© AFP 2022 / KAYHAN OZER / Serviço público do presidente turcoPresidente turco Recep Tayyip Erdogan fala durante a reunião com investidores internacionais no Palácio presidencial em Ancara, Turquia, 2 de agosto de 2016
Presidente turco Recep Tayyip Erdogan fala durante a reunião com investidores internacionais no Palácio presidencial em Ancara, Turquia, 2 de agosto de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
EUA e Turquia estão realizando negociações sobre a participação turca na libertação da cidade síria de Raqqa – a capital autoproclamada do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia).

A declaração correspondente foi feita pelo comandante da operação internacional contra o Daesh no Iraque e na Síria, tenente-general americano Stephen Townsend.

“Estamos participando de negociações com os turcos sobre a possibilidade de sua participação na libertação de Raqqa. Não sei qual poderá ser a quantidade de militares deles a participar”, disse Townsend.

Membro de milícias curdas na cidade síria Ain Issi, 50 km ao norte de Raqqa - Sputnik Brasil
Turquia impõe condição para se juntar aos EUA no combate em Raqqa
Hoje (2), o presidente turco Recep Tayyip Erdogan disse que Ancara pode participar da operação militar. “Se for preciso, segundo for acordado com a coalizão e com a Rússia, nós iremos realizar passos em relação a Raqqa”, disse Erdogan.

Entretanto, o presidente da Turquia assinalou que os EUA não têm um plano preciso para libertação da cidade de Raqqa do grupo terrorista:

“Eu não posso dizer que novo governo dos EUA tenha um plano preciso para Raqqa. Durante visitas à Turquia do chefe do Estado-Maior dos EUA, bem como do chefe da CIA, foram dados passos neste processo, que podem ser considerados como preliminares”, cita o canal turco Haber 7 o presidente Erdogan.

Contudo, Erdogan voltou a declarar que as forças de autodefesa curdas, que são consideradas uma organização terrorista por Ancara, devem deixar a cidade síria de Manbij e passar para a margem oriental do rio Eufrates.

O exército turco deu início à Operação Escudo de Eufrates contra o Daesh em agosto de 2016. Com apoio da oposição síria, eles conseguiram tomar a cidade fronteiriça de Jarablus, no norte da Síria, e Al-Bab.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала