Descoberta inesperada: Clinton disse que acredita no futuro da Rússia mais que os russos

© AFP 2022 / ROBYN BECKPresidenciável democrata Hillary Clinton acena com a mão no seu dia de anos no aeroporto internacional de Maiami, EUA, 26 de outubro de 2016
Presidenciável democrata Hillary Clinton acena com a mão no seu dia de anos no aeroporto internacional de Maiami, EUA, 26 de outubro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O canal de televisão Fox News informou, nas vésperas das presidenciais nos EUA, sobre uma "descoberta recente": uma antiga entrevista da candidata democrata Hillary Clinton ao apresentador russo Vladimir Pozner realizada em 2010.

Hillary Clinton - Sputnik Brasil
The Independent: Hillary Clinton 'com certeza' pode começar uma Terceira Guerra Mundial
Nesta entrevista, Clinton disse que o objetivo dos EUA é reforçar a Rússia. Segundo o canal, o país conseguiu atingir este objetivo.

"Um dos receios que ouço dos russos é que os EUA querem, de uma ou outra maneira, enfraquecer a Rússia. Isso está longe da verdade. O nosso objetivo é ajudar ao reforço da Rússia. Vemos a Rússia com uma cultura forte, com uma incrível capital intelectual, capital que a Rússia tem como líder do século XXI. Às vezes sentimos que acreditamos mais no seu futuro do que os próprios russos", cita o canal a peça da entrevista de Clinton.

Na sua matéria o jornalista do Fox News Richard Grenell destacou que, durante a atual campanha eleitoral, Clinton criticou o seu adversário Donald Trump por este ter dito que o presidente russo Vladimir Putin é um líder forte.

Candidato republicano à presidência Donald Trump - Sputnik Brasil
Trump: mídia apoia Clinton, mas quem vencerá serei eu
Grenell lembrou que Clinton foi famosa por apoiar a política de reset (reinicialização) com Moscou quando ocupava o cargo de secretária de Estado dos EUA. Depois, as autoridades russas "venceram no jogo com Clinton, em particular, no que respeita à Síria, ao Irã e à diplomacia no Oriente Médio, enquanto os EUA ficaram passivos de lado". Entretanto, Clinton como secretária de Estado "atingiu realmente o objetivo – o reforço da Rússia", destacou o jornalista.

Segundo Grenell, a frase de Clinton sobre que os EUA acreditam no futuro da Rússia mais que os próprios russos é um "reconhecimento tremendo".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала