China e Filipinas voltam a debater situação do mar do Sul da China

© REUTERS / Ng Han Guan/PoolPresidente das Filipinas Rodrigo Duterte e da China Xi Jinping se reunem em Pequim, 20 de outubro de 2016
Presidente das Filipinas Rodrigo Duterte e da China Xi Jinping se reunem em Pequim, 20 de outubro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Durante visita do presidente filipino Rodrigo Duterte a Pequim, a China e as Filipinas destacaram a importância de garantir a liberdade de navegação no mar do Sul da China, informou a chancelaria chinesa na sexta-feira (21).

A visita do líder filipino à nação chinesa acontece entre 18 e 21 de outubro a convite oficial do presidente Xi Jinping, sendo a primeira desde que Duterte assumiu a presidência nas Filipinas. 

Prisidente das Filipinas Rodrigo Duterte discursando - Sputnik Brasil
Presidente das Filipinas promete 'atravessar o Rubicão' dos EUA para a Rússia e a China
Segundo a declaração conjunta dos dois países, "as partes trocaram opiniões sobre a importância de solução de disputas em torno do mar do Sul da China usando métodos razoáveis, destacando a importância de manter e promover a paz e estabilidade (na região), garantir a liberdade de navegação naval e aérea sobre o mar do Sul da China, desistir da força e ameaças, solucionando disputas diretamente entre as partes envolvidas através do diálogo pacífico".

Em 12 de julho, o Tribunal Permanente de Arbitragem de Haia concluiu que não há base legal para que a China reivindique seus direitos históricos na zona econômica exclusiva na área das ilhas Nansha (Spratly). O tribunal também acusou a China de violar a soberania das Filipinas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала