Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Destroços encontrados na Tanzânia eram do Boeing desaparecido da Malaysia Airlines

© AP Photo / Lucas MariePedaço da asa do Boeing 777 da Malaysia Airlines encontrado na ilha La Réunion.
Pedaço da asa do Boeing 777 da Malaysia Airlines encontrado na ilha La Réunion. - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Malásia confirmou nesta quinta-feira (15) que um grande fragmento oriundo de destroços de avião descoberto na ilha de Pemba, ao largo da costa da Tanzânia, em junho desse ano, pertencia de fato à aeronave da Malaysia Airlines MH370, que desapareceu em março de 2014 com 239 pessoas a bordo.

Um avião da Real Força Aérea da Nova Zelândia ajudou nas buscas ao voo MH370 próximas à Austrália. - Sputnik Brasil
Malásia: piloto do MH370 desaparecido ensaiava queda do avião
A busca de mais de dois anos descobriu poucos vestígios da aeronave, um Boeing 777 que sumiu dos radares logo depois de decolar de Kuala Lumpur, capital da Malásia, com destino a Pequim. 

Os destroços encontrados serão examinados mais detalhadamente pelos especialistas que procuram qualquer indício sobre as circunstâncias da tragédia. 

Além dos fragmentos na costa da Tanzânia, os investigadores já confirmaram anteriormente a descoberta de restos do avião na ilha francesa de Réunion, em julho de 2015. Além disso, investiga-se vários detritos achados nos litorais de Moçambique, África do Sul e na Ilha Rodrigues.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала