Nova escalada de conflito em Nagorno-Karabakh: já há primeiras mortes

© Sputnik / Ilya Pitalev / Abrir o banco de imagensCidade de Stepanakert da autoproclamada República de Nagorno-Karabakh
Cidade de Stepanakert da autoproclamada República de Nagorno-Karabakh - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A situação na linha de contato em Nagorno-Karabakh continua permanecendo tensa, disse no sábado (2) o porta-voz o ministro da Defesa armênio Artsrun Ovannisyan.

“A situação na fronteira continua tensa, combates continuam em várias direções”, disse Ovannisyan.

Ao mesmo tempo, apelou para não divulgar informações falsas sobre a situação. 

“As informações sobre grandes perdas da nossa parte, evacuação e mobilização não correspondem à realidade”, destacou o porta-voz.

Militares da autoproclamada República de Nagorno-Karabakh participaram de confrontos com as Forças Armadas do Azerbaijão em 2015; agora, o conflito entrou em uma nova fase - Sputnik Brasil
Conflito ao sul da Rússia está piorando
Segundo as informações do Azerbaijão, as unidades das Forças Armadas do Azerbaijão ficam nas suas posições. O porta-voz do Ministério da Defesa do Azerbaijão, Vagif Dyargakhly, disse que nos confrontos em Nagorno-Karabakh já morreram 12 militares azerbaijanos. 

Também há informações que na zona de conflito foi abatido um helicóptero Mi-24 e um tanque foi posto inoperacional.

Ambos os ministérios da Defesa, o azeri e o armênio, alegam ações militares da outra parte. Há também informações sobre perdas de ambos os lados.

Oficialmente, as forças armadas de Nagorno-Karabakh são distintas do Exército armênio. Mas o Azerbaijão não acredita e considera que todos os destacamentos da região fazem parte das tropas da Armênia.

O conflito entre a Armênia e o Azerbaijão, ao sul da Rússia, começou em fevereiro de 1988, quando a região de Nagorno-Karabakh anunciou a sua separação da República Soviética do Azerbaijão. A Arménia é um país de confissão religiosa maioritariamente cristã; o Azerbaijão é maioritariamente muçulmano.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала