Ataque aéreo saudita mata mais de 40 civis em mercado iemenita

© AP Photo / Hani MohammedAs sequências de ataque aéreo saudita no Iêmen
As sequências de ataque aéreo saudita no Iêmen - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os ataques aéreos da coalizão liderada pelos Arábia Saudita no Iêmen atingiram um mercado na província de Haja nesta terça-feira (15), matando 41 civis e ferindo outras 75 pessoas, segundo informou o diretor do departamento de saúde local, Dr. Ayman Madkour, citado pela Reuters.

Moradores fogem de ataques aéreos no Iêmen - Sputnik Brasil
Venda de armas britânicas para a Arábia Saudita é investigada
Segundo a fonte, três ataques aéreos diferentes atingiram o mercado que se situa no distrito de Mustaba.

A coalizão liderada pelos sauditas combate os rebeldes xiitas Houthi no Iêmen, que, por sua vez, lutam contra as forças do governo iemenita em diversas regiões do país. 

Desde o início da campanha aérea da coalizão, há um ano, cerca de 6.000 pessoas foram mortas, muitas delas civis. Em janeiro, um painel da ONU criado para investigar os bombardeios no Iêmen relatou ao Conselho de Segurança que havia descoberto "ataques generalizados e sistemáticos contra alvos civis por parte da Arábia Saudita".

O vice-príncipe herdeiro e ministro da Defesa da Arábia Saudita Mohammad bin Salman - Sputnik Brasil
Príncipes sauditas se articulam contra operações militares do reino no Iêmen e na Síria
Além disso, segundo investigações da ONG Human Rights Watch, a coalizão também tem usado bombas de fragmentação, proibidas pelo direito internacional em áreas povoadas.

Em 27 de fevereiro deste ano, a coalizão atingiu outro mercado na capital iemenita de Sanaa, em um ataque aéreo que custou a vida de 45 pessoas, a maioria civis. Cerca de 50 ficaram feridas no incidente.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала