Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Ministro das Finanças dos EUA considera suavização de sanções antirrussas para ajudar UE

© REUTERS / REUTERS/Gleb GaranichMinistro das Finanças norte-americano Jack Lew
Ministro das Finanças norte-americano Jack Lew - Sputnik Brasil
Nos siga no
Os EUA podem suavizar as sanções antirrussas para ajudar a economia europeia, disse numa entrevista ao canal televisivo CNBC o ministro das Finanças norte-americano Jack Lew.

Nesta segunda-feira (9) o ministro espanhol das Relações Exteriores, José García-Margallo y Marfil, no encontro dos ministros das Relações Exteriores da UE informou que a União Europeia perdeu cerca de 21 bilhões de euros na sequência de implementação das sanções antirrussas. 

“Preferiríamos suavizar as sanções [antirrussas] porque seria um passo melhor para a economia europeia assim como para a [sua] estabilidade”, disse o ministro das Finanças.

Ao mesmo tempo ele sublinhou que Washington está pronta tanto a suavizar como a endurecer as sanções contra Rússia. Tudo dependerá do desenvolvimento da situação no leste da Ucrânia. Alem disso, a “Rússia deve respeitar suas obrigações e respeitar a integridade territorial da Ucrânia”, manifestou Jack Lew.

Bandeiras da Rússia e União Europeia - Sputnik Brasil
União Europeia adia novas sanções contra a Rússia
Ainda no ano passado, os Estados Unidos, a União Europeia e os seus aliados acusaram a Rússia de se intrometer no conflito ucraniano, inclusive prestando uma suposta assistência militar para os separatistas da região de Donbass, que haviam declarado independência por se recusarem a reconhecer a legitimidade do novo governo em Kiev chegado ao poder depois de um golpe de Estado em fevereiro.

Desde março de 2014, o Ocidente já impôs várias rodadas de sanções contra Moscou, visando não só indivíduos de alto escalão, mas também os setores bancários, de energia e de defesa da Rússia.

O Kremlin tem repetidamente negado qualquer envolvimento na crise interna da Ucrânia e qualifica as sanções como contraproducentes. Em resposta às sanções ocidentais, Moscou impôs uma proibição de um ano sobre a importação de certos alimentos dos países que impuseram restrições.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала