Torcedores acompanham a estreia do Brasil na Copa do Mundo FIFA 2018

Torcida deixa frustrações de lado para empurrar o Brasil na Copa do Mundo

© Sputnik /
Notícias sobre a Copa do Mundo 2018
URL curta
532

Torcedores entusiasmados com a seleção brasileira se reuniram neste domingo no Alzirão, no bairro carioca da Tijuca, para acompanharem juntos a estreia do Brasil na Copa do Mundo FIFA 2018, contra a Suíça. Apesar das críticas à situação do país, os fãs demonstraram apoio total aos comandados do técnico Tite.

"Por ser brasileiro, a gente já ama o futebol, a gente nasce obrigado a gostar de futebol", declarou o produtor de artes Jeferson Cunha à Sputnik Brasil. "Por mais que o Brasil esteja nessa situação horrorosa, que deixa a gente desanimado todos os dias de sair para trabalhar, por causa da corrupção, por causa de todos os problemas na cidade, da violência, a gente não desiste. Estamos aqui, torcendo pelo Brasil. Espero que eles façam bonito, porque a gente vai pintar o rosto, a gente vai usar purpurina, a gente vai vestir verde e amarelo. Estamos confiantes", acrescentou.

Roda de samba no Alzirão durante a estreia do Brasil na Copa do Mundo
© Sputnik /
Roda de samba no Alzirão durante a estreia do Brasil na Copa do Mundo

Para Maria Helena Pereira, outra torcedora que esteve nesta tarde no Alzirão para acompanhar a seleção, o Brasil está com um bom time para brigar pelo título no Mundial. Apesar do empate brasileiro, ela diz ter comemorado muito a derrota da Alemanha, mais cedo, para o México. 

"Foi no dia 8 de julho, no meu aniversário, que aconteceu esse 7 a 1", afirma a torcedora, lembrando o fiasco do Brasil em 2014. "Está engasgado aqui". 

Compartilhando da opinião de Maria Helena, Eduardo Andrade afirmou não ter dúvidas de que a equipe atual do Brasil é melhor do que a do último Mundial. 

"Eu acho que o Brasil tem mais chance do que na Copa de 2014. Está mais bem preparado. Eu acho que o nível das outras seleções está bem mais fraco neste ano", disse ele à Sputnik. 

Torcida brasileira no Alzirão, Rio de Janeiro, durante estreia do Brasil na Copa
© Sputnik /
Torcida brasileira no Alzirão, Rio de Janeiro, durante estreia do Brasil na Copa

A festa da torcida na Tijuca, no Rio, e em outras partes do Brasil e do mundo, não foi suficiente para garantir a vitória brasileira em sua partida de estreia, disputada na arena Rostov, em Rostov-no-Don. O placar de 1 a 1 deixou Brasil e Suíça empatados na segunda posição do grupo E, com 1 ponto cada. A Sérvia lidera o grupo, com 3 pontos, enquanto a Costa Rica aparece na última posição, com 0. 

  • Alzirão, Tijuca, Rio de Janeiro
    Alzirão, Tijuca, Rio de Janeiro
    © Sputnik /
  • Torcedores acompanham a estreia da seleção brasileira na Copa do Mundo 2018
    Torcedores acompanham a estreia da seleção brasileira na Copa do Mundo 2018
    © Sputnik /
  • Torcedora Maria Helena Pereira acompanhando a seleção brasileira no Alzirão
    Torcedora Maria Helena Pereira acompanhando a seleção brasileira no Alzirão
    © Sputnik /
1 / 3
© Sputnik /
Alzirão, Tijuca, Rio de Janeiro

A seleção brasileira volta a campo na próxima sexta-feira, 22, para enfrentar a Costa Rica, em São Petersburgo.

Mais:

Brasil sofre com marcação, empata com a Suíça e dorme em 2º no grupo E (FOTOS)
México supera Alemanha em 1ª derrota europeia na Copa da Rússia
Todo apoio: torcedoras mais brilhantes da Copa do Mundo 2018
Tags:
futebol, Copa do Mundo, Tite, Tijuca, Rostov-no-Don, Suíça, Rostov, México, Sérvia, Alemanha, Costa Rica, Rio de Janeiro, Brasil
Padrões da comunidadeDiscussão
Comentar no FacebookComentar na Sputnik