Presidente russo, Vladimir Putin, e o presidente da FIFA, Gianni Infantino, durante o 68º congresso da Federação Internacional de Futebol, 13 de junho

Putin sobre preparativos da Copa: Chefe da FIFA trata Rússia muito bem

© Sputnik / Aleksandr Vilf
Notícias sobre a Copa do Mundo 2018
URL curta
270

Na véspera da abertura da Copa 2018, o presidente russo, Vladimir Putin, sublinhou que o país está pronto para receber o campeonato e agradeceu ao presidente da FIFA, Gianni Infantino, por estar preparando bem o evento e por tratar bem a Rússia.

Putin participa nesta quarta-feira (13) do 68º Congresso da FIFA, que decorre em Moscou na véspera da Copa do Mundo.

O presidente russo destacou especialmente a imparcialidade de Infantino e sua boa atitude em relação à Rússia.

"Gostaria de dizer palavras de agradecimento especialmente ao senhor Infantino, de sublinhar sua fidelidade aos ideais do esporte e à imparcialidade, e claro, sua invariável atitude positiva em relação à Rússia", declarou Putin.

Além disso, o líder russo elogiou o fato de a FIFA seguir o princípio de "esporte fora da política", apoiado pela Rússia, e destacou que o país se expressa a favor da cooperação estreita entre todos os países na esfera esportiva.

Putin também reiterou a prontidão da Rússia de sediar o campeonato, oferecendo conforto máximo aos visitantes.

"Nosso país está pronto para receber a Copa do Mundo FIFA e para oferecer a todos que vierem à Rússia o máximo conforto e as emoções mais positivas", afirmou Putin durante o congresso.

A Copa do Mundo começará em 14 de junho com o jogo entre a Rússia, anfitriã do campeonato, e a Arábia Saudita.

Os jogos decorrerão até 15 de julho em 11 cidades russas. O Brasil estreará no Mundial em 17 de junho, enfrentando a Suíça.

Mais:

Turistas estrangeiros vão desembolsar quase US$ 2 bilhões na Rússia durante a Copa
Goldman Sachs faz previsão sobre quem vai ganhar a Copa: uma equipe sul-americana?
Neymar, não: principal arma do Brasil na Copa se chama Tite, diz ex-goleiro da Seleção
Tags:
Copa do Mundo Rússia 2018, Copa do Mundo de 2018, FIFA, Gianni Infantino, Vladimir Putin, Rússia
Padrões da comunidadeDiscussão
Comentar no FacebookComentar na Sputnik