14:20 22 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    1130
    Nos siga no

    Trabalhadores que estavam instalando tubos de gás natural em Lima descobriram um cemitério de 1.800 anos.

    A descoberta foi realizada por uma equipe de funcionários da empresa colombiana Cálidda, que distribui gás natural no Peru. A empresa conta com uma equipe de arqueólogos, já que é comum encontrar vestígios de antigas culturas em Lima e outras regiões da costa peruana, informa a RPP.

    O trabalho no local foi interrompido para proceder ao estudo dos vestígios pré-colombianos, afirmou a arqueóloga Marilin Herrera.

    "Até agora, encontramos dois indivíduos ou dois sepultamentos e aproximadamente seis vasos inteiros, todos de estilo branco sobre vermelho. Esse estilo é do início do Intermédio Inicial, cujas culturas características são Lima ou Moche. Estamos falando de um estilo [datado] de 200 a.C. até 300 d.C.", detalhou.

    A arqueóloga também ressaltou que as obras foram imediatamente suspensas na área para o trabalho dos arqueólogos.

    Uma equipe especializada está realizando as análises antropológicas físicas dos dois indivíduos e da restauração dos vasos. O material achado deve ser entregue ao Ministério da Cultura, informou Herrera.

    Mais:

    Raio quase atinge candidato ao Congresso do Peru (VÍDEO)
    Arqueólogos encontram cemitério real com criança tatuada no Peru (VÍDEO)
    Peru cria brigada policial para combater 'criminosos' da Venezuela
    Tags:
    arqueologia, gás natural, escavação, cemitério, Peru
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar