16:53 22 Outubro 2019
Ouvir Rádio
    Logotipos do WhatsApp e Facebook

    Que riscos para a privacidade pode provocar integração de Facebook, WhatsApp e Instagram?

    © AP Photo / Patrick Sison
    Sociedade
    URL curta
    0 41
    Nos siga no

    Os políticos e especialistas estão muito preocupados com o projeto do presidente executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, de interligar os mensageiros Messenger, WhatsApp e Instagram até o fim de 2019 ou início de 2020.

    O Facebook não deve ser autorizado de realizar o plano de integrar suas plataformas com o WhatsApp e o Instagram, já que o gigante das redes sociais violou inúmeras vezes as suas obrigações sobre a privacidade no passado e não se poder confiar no futuro, avisou o senador norte-americano Jeff Merkley durante a coletiva de imprensa.

    "Agora que o Facebook planeja integrar seus serviços de mensagens, nós precisamos de mais do que meras garantias da companhia de que essa mudança não prejudicará a privacidade de dados e segurança dos usuários. Não podemos permitir que a integração da plataforma se transforme em desintegração da privacidade."", declarou Merkley na sexta-feira (25).

    O senador assinalou que a Comissão Federal do Comércio dos EUA (FTC, da sigla em inglês) confirmou em março de 2018 que a política de privacidade de Facebook estava sendo investigada e que a companhia eventualmente infringiu uma decisão relativa a um acordo com a FTC.

    Marc Rotenberg, o presidente executivo do Centro de Informação sobre a Privacidade Eletrônica, disse que a integração teria um "efeito terrível para os usuários" e solicitou à FTC agir para proteger a privacidade e preservar a concorrência", segundo o jornal New York Times.

    A preocupação está crescendo não só nos EUA, mas também no Reino Unido, que incentivou a investigação sobre a quantidade de dados compartilhados entre o WhatsApp e o Facebook.

    Segundo o jornal, Zuckerberg quer a integração para criar um trio de serviços mais eficaz, fazendo "o envio de mensagens mais rápido, simples, seguro e privado".

    Mais:

    WhatsApp limita reenvio de mensagens para cessar divulgação de notícias falsas
    Celebridade mexicana 'incendeia' Instagram com suas curvas impressionantes (FOTOS, VÍDEO)
    Sputnik qualifica como censura a remoção de suas contas no Facebook
    Modelo chinesa sacode Instagram com aparência de boneca (FOTOS, VÍDEO)
    Tags:
    preocupação, violações, privacidade, integração, Messenger, Instagram, Facebook, WhatsApp, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar