07:49 17 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Pokemons de Pokémon GO da Nintendo

    Venezuela adverte sobre 'crueldade' de Pokémon Go

    © flickr.com/ Noah Cloud
    Sociedade
    URL curta
    A loucura do Pokémon GO (21)
    0 13

    Maduro advertiu sobre as possíveis ameaças do Pokemon Go, afirmando que o jogo gera violência na sociedade.

    Segundo Nicolás Maduro, o Pokémon Go, o jogo que tem provocado furor em todo o mundo, faz parte de uma cultura que promove a violência entre crianças e jovens.

    O capitalismo "gera realidades virtuais, todas vinculadas a armas, à violência e à morte. Realidades virtuais como este novo jogo que hoje está aí, o Pokémon Go, vocês conhecem?! Milhares de jovens, milhares de pessoas, terminam vivendo nesta realidade virtual", disse Maduro em um programa de TV.

    ​O presidente relacionou esta "cultura de violência" ao tiroteio protagonizado na semana passada, em Munique, por David Ali Sonboli, um alemão de origem iraniana de 18 anos, que deixou nove mortos e 35 feridos. "Um jovem de 18 anos, submetido a toda uma cultura de violência desde a infância, submetido à discriminação de uma sociedade. Isto produz um monstro". 

    Pokémon GO é um jogo virtual de realidade aumentada para smartphones, desenvolvido pela empresa japonesa Nintendo. O aplicativo foi lançado no início de julho deste ano e já se tornou uma verdadeira febre tanto no Brasil, como em vários países do mundo, conquistando mais e mais admiradores. 

    A essência do jogo é integrar na cidade real uma realidade aumentada: através da câmera de smartphone, você pode ver o Pokémon e caçá-lo. Assim, os usuários encontram criaturas virtuais em vários lugares, por vezes, inadequados  : em igrejas, no Cemitério Nacional de Arlington ou no Museu do Holocausto.

    Tema:
    A loucura do Pokémon GO (21)

    Mais:

    Polônia sediará primeiro campeonato internacional de Pokémon Go
    Rússia desenvolve alternativa ao Pokémon Go
    Melhores e mais bizarros memes sobre a espera ‘dramática’ dos brasileiros pelo Pokémon GO
    Tags:
    cultura, jovens, crianças, morte, ameaça, violência, pokémons, Pokémon Go, Nicolás Maduro, Caracas, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar