03:17 16 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Logo da emissora Sputnik

    Sputnik é apresentada a jovens jornalistas dos BRICS

    © Sputnik / Konstantin Chalabov
    Sociedade
    URL curta
    BRICS: organização do futuro (189)
    7181
    Nos siga no

    Jovens jornalistas dos países-membros do grupo BRICS conhecerão, no âmbito da Escola de Jovens Jornalistas dos BRICS, como funciona a agência de notícias e rádio Sputnik.

    Durante três dias, um grupo composto por mais de vinte jovens jornalistas participará de workshops e discutirá com os especialistas da Sputnik um leque de temas atuais: como estabelecer e manter a cooperação informativa; como as particularidades multiculturais e multiconfessionais dos países afetam o jornalismo; como fazer um conteúdo de rádio interessante; como relatar um acontecimento nas redes sociais, e outros temas. O evento será coroado com uma visita aos estúdios da rádio Sputnik.

    Renata Agostini, Folha de S. Paulo, Jornalista

    “Estou muito animada com a possibilidade de trocar experiências com jornalistas de Rússia, China, Índia e África do Sul e aprender sobre as empresas de comunicação russas. Espero poder contribuir com relatos e a perspectiva da imprensa brasileira”.

    A Escola de Jovens Jornalistas dos BRICS é parte do projeto “Nova Geração” da Agência Federal para Assuntos da Comunidade de Estados Independentes, Compatriotas Residentes no Exterior e Cooperação Humanitária Internacional (Rossotrudnichestvo), conjuntamente com parceiros, para fazer com que jovens representantes dos círculos políticos, sociais, científicos e de negócios de países estrangeiros conheçam a Rússia.

    Sputnik (sputniknews.com) é uma agência de notícias e rádio com representações multimidiáticas e informativas em dezenas de países. A Sputnik inclui sites, transmissões de rádio, aplicativos para celulares e páginas em redes sociais.

    Tema:
    BRICS: organização do futuro (189)
    Tags:
    jornalismo, BRICS, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar