02:29 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Rua em Manzanillo, estado de Colima, México em October 23, 2015, durante o furacão Patricia

    Furacão Patrícia provocou ondas de oito metros no México

    © AFP 2017/ Jonathan Levinson
    Sociedade
    URL curta
    2103111

    O furacão Patrícia, que atingiu a costa do Pacífico do México na sexta-feira (23), enfraqueceu da categoria cinco para a categoria quatro, informa o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC).

    A velocidade do vento do furacão atinge 209 quilômetros por hora, de acordo com o NHC. As ondas na costa do Pacífico atingem oito metros de altura. 

    O Patrícia, que as autoridades mexicanas têm chamado de "a tempestade mais perigosa da história", parece não ter causado qualquer dano grave até agora.

    "O governador [do Estado de Jalisco] Aristoteles Sandoval relata que até agora em Jalisco não foi registrado qualquer dano ou vítimas, eles vão continuar com patrulhas", disse Luis Felipe Puente, Coordenador Nacional da Proteção Civil do Ministério do Interior do México, via Twitter.

    O Patrícia teve ventos de cerca de 321 km por hora quando se aproximava do México.

    O furacão era mais forte que o tufão devastador Haiyan, que levou à morte de pelo menos 6.300 pessoas nas Filipinas em 2013. O Haiyan, também conhecido como Yolanda, teve ventos de cerca de 280 quilômetros por hora antes de atingir a terra.

    Embora o nível de perigo tenha sido baixado da categoria cinco para a categoria quatro, o presidente insiste que os mexicanos não devem enfraquecer a atenção: 

    "A parte mais perigosa do furacão apenas está agora chegando ao território nacional e, ao mesmo tempo, a chuva é esperada na costa do Pacífico e em vários estados do centro e nordeste do país," disse Enrique Peña Nieto, citado pela televisão local.

    Além disso, ele advertiu sobre o perigo.

    O estado de emergência foi declarado em 56 municípios mexicanos quando o furacão se aproximava da costa do país. Milhares de pessoas foram evacuados.

    De acordo com o governador Sandoval, mais de 6.300 pessoas foram colocadas em abrigos temporários.

    Mais:

    República de Vanuatu é atingida por forte ciclone, há vítimas
    México tem interesse no mercado russo apesar de laços com EUA
    Tags:
    estado de emergência, tempestade, furacão, Enrique Peña Nieto, México
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik