14:27 04 Agosto 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    1430
    Nos siga no

    Na quarta-feira (23), a Embaixada da Rússia nos EUA apelou aos EUA e seus aliados para abandonarem as próximas manobras Sea Breeze no mar Negro, destacando o "carácter obviamente agressivo" destes exercícios.

    Os exercícios militares dos EUA e Ucrânia Sea Breeze aumentam o risco de incidentes não intencionais no mar Negro, por isso é importante abandoná-los, afirmou a Embaixada da Rússia nos Estados Unidos.

    "A escala e o carácter obviamente agressivo dos exercícios Sea Breeze não correspondem às verdadeiras necessidades de segurança na região do mar Negro", diz o comunicado da missão diplomática russa no Twitter.

    A Embaixada da Rússia acrescentou que os treinamentos "encorajam os ânimos militaristas de Kiev".

    ​A escala e o carácter obviamente agressivo dos exercícios Sea Breeze não correspondem às verdadeiras necessidades de segurança na região do mar Negro. Aumentam o risco de incidentes não intencionais. Encorajam os ânimos militaristas de Kiev.

    "Apelamos veementemente aos EUA e seus aliados a abandonarem o treinamento de ações militares no mar Negro", declarou a embaixada russa, adicionando que os problemas que surgem na região podem ser resolvidos sem a imposição de ajuda exterior.

    As manobras Sea Breeze serão realizadas de 28 de junho a 10 de julho. Cinco mil militares e 32 navios de 32 países participarão do treinamento.

    Anteriormente, a representante oficial do Ministério das Relações Exteriores, Maria Zakharova, disse que a OTAN está aumentando a atividade militar no mar Negro e o número de exercícios militares conjuntos com a Ucrânia. "Tudo isso não contribui para a regularização da situação interna na Ucrânia", sublinhou Zakharova.

    Por sua vez, o porta-voz do Ministério de Defesa da Rússia, Igor Konashenkov, afirmou que, sob pretexto do treinamento Sea Breeze, a OTAN fornecerá à Ucrânia armas modernas, que depois serão transferidas para as Forças Armadas ucranianas e para os batalhões nacionalistas paramilitares em Donbass.

    Mais:

    EUA anunciam que instalação do sistema Aegis Ashore na Polônia decorre a todo vapor
    Talibã falhou em manter promessa de paz, diz chanceler afegão no Conselho de Segurança da ONU
    Casa Branca suspende pacote de ajuda militar de US$ 100 milhões destinado à Ucrânia, diz mídia
    Putin: sistema europeu de segurança se degradou, aumentam riscos de nova corrida armamentista
    Tags:
    EUA, Rússia, Ucrânia, exercícios, mar Negro, Embaixada
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar