18:26 19 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    0 110
    Nos siga no

    Moscou decidiu deixar as portas abertas para um possível retorno ao Tratado dos Céus Abertos: assim que os Estados Unidos retomarem o acordo, a Rússia também voltará a cumprir o tratado.

    A declaração sobre a condição de retorno ao tratado foi feita pelo vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Ryabkov, em entrevista à Sputnik.

    "É isso mesmo, deixamos a porta aberta. Mas nossos colegas em Washington e outras capitais da OTAN devem entender que não vamos esperar o infinito até que eles finalmente esclareçam e analisem de alguma forma, pesem os prós e contras e se decidam se eles estão dispostos a voltar ao tratado", disse Ryabkov.

    O diplomata disse que os preparativos internos para a retirada da Rússia do acordo seguem em andamento.

    "Se os EUA não nos informarem que estão dispostos a retornar ao tratado, a Rússia enviará a Hungria e ao Canadá uma nota indicando que se retira do tratado. A partir desse momento terá início um prazo de seis meses, determinado pelo próprio tratado, que antecede a saída oficial", explicou o vice-ministro russo das Relações Exteriores.
    Vice-ministro das Relações Internacionais, Sergei Riabkov, durante encontro em Moscou, Rússia, 13 de fevereiro de 2020
    © Sputnik / Aleksei Danichev
    Vice-ministro das Relações Internacionais, Sergei Ryabkov, durante encontro em Moscou, Rússia, 13 de fevereiro de 2020

    Em 15 de janeiro, o Ministério das Relações Exteriores da Rússia deu início ao processo interno para sair do Tratado dos Céus Abertos.

    Assinado em 1992, o Tratado dos Céus Abertos foi uma das medidas de fortalecimento da confiança e transparência na Europa após a Guerra Fria, permitindo aos 34 países membros sobrevoar territórios e verificar movimentos militares entre os signatários. Os Estados Unidos abandonaram o Tratado dos Céus Abertos em 22 de novembro. No dia seguinte, a ONU considerou "lamentável" a decisão dos EUA de deixar o acordo.

    Mais:

    OTAN continua pronta para diálogo após saída da Rússia do Tratado de Céus Abertos
    Como a Rússia poderá vigiar a OTAN após cessação do Tratado dos Céus Abertos?
    Tratado dos Céus Abertos 'não tem utilidade real' sem Rússia e EUA, dizem especialistas dos EUA
    Rússia converterá Tu-214ON usados no Tratado de Céus Abertos em aviões de reconhecimento
    Tags:
    Rússia, Estados Unidos, militar, Tratado de Céus Abertos, Tratado Internacional de Céus Abertos, Tratado Internacional sobre Céus Abertos, Tratado Céus Abertos, ONU, OTAN, Sergei Ryabkov
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar