18:58 27 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    Mundo enfrenta COVID-19 em meados de outubro (78)
    2151
    Nos siga no

    O diretor-geral do Fundo Russo de Investimentos Diretos (RFPI, na sigla em russo), Kirill Dmitriev, disse hoje (12) que os testes da vacina Sputnik V avançam com sucesso e mais de 12 mil russos já foram imunizados.

    Dmitriev também confirmou que a Rússia vai compartilhar com outros países os resultados dos testes clínicos de sua nova vacina.

    "Mais de 12 mil pessoas já foram vacinadas na Rússia [primeira fase dos testes] e os resultados são ótimos, um grande sucesso, pois o nível de anticorpos gerados é bastante alto", destacou o diretor-geral do RFPI em entrevista à emissora de televisão Rossiya 24.

    Os testes posteriores ao registro da vacina começaram no dia 7 de setembro em Moscou. Ao todo, 40 mil voluntários participarão da pesquisa para comprovar a eficácia do imunizante, dos quais dez mil receberão um placebo.

    Nesta segunda (12), o Ministério da Saúde dos Emirados Árabes Unidos aprovou a terceira fase dos testes clínicos da Sputnik V, que também estão ocorrendo na Rússia e na Bielorrússia.

    A revista médica britânica The Lancet publicou no dia 4 de setembro os resultados das duas primeiras fases dos testes clínicos, que confirmaram a segurança e eficácia da vacina russa.

    Vacina Sputnik V

    A Rússia registrou oficialmente, em 11 de agosto, a vacina anti-COVID-19 desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisas de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya em cooperação com o RFPI.

    Segundo os pesquisadores, a vacina gera até dois anos de imunidade e é composta por dois componentes: o adenovírus humano tipo 26 e o adenovírus humano recombinante tipo 5. O medicamento é administrado em duas doses com um intervalo de 21 dias.

    A Sputnik V já passou por duas fases de testes, e a terceira e definitiva está acontecendo neste momento.

    Tema:
    Mundo enfrenta COVID-19 em meados de outubro (78)

    Mais:

    AstraZeneca impôs restrições ao Brasil para produção de vacina, diz jornal
    Sputnik V: vacina apresenta resultado promissor durante testes na Bielorrússia, segundo Moscou
    Maduro diz que vai tomar com filho e irmã vacina russa Sputnik V
    Tags:
    vacina, Rússia, Sputnik V, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar