08:25 28 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    Coronavírus no mundo em meados de agosto (58)
    1150
    Nos siga no

    O Estado vai controlar a distribuição da primeira vacina contra a COVID-19, para prevenir o desabastecimento, segundo um comunicado do governo russo.

    "Conforme resolução do primeiro-ministro, Mikhail Mishustin, a primeira vacina contra o coronavírus registrada na Rússia foi incluída na lista de medicamentos cuja distribuição é regulada pelo Estado, o que permitirá controlar seu fornecimento às regiões e ajudará a evitar sua escassez", indica o documento.

    O Ministério da Saúde da Rússia anunciou neste sábado (15) o início da produção da vacina Sputnik V, a primeira aprovada no mundo.

    Produção da primeira vacina do mundo contra COVID-19 na Rússia
    © Sputnik / Assessoria de imprensa do RFPI
    Produção da primeira vacina do mundo contra COVID-19 na Rússia

    A vacina recebeu a autorização em 11 de agosto após testes confirmarem sua segurança e eficiência.

    Mais de 20 países já encomendaram um bilhão de doses da vacina, conforme salientou em 11 de agosto o Fundo Russo de Investimentos Diretos (RFPI, na sigla em russo), entidade que financiou o desenvolvimento da vacina.

    Segundo dados da Universidade Johns Hopkins (EUA), ao todo mais de 21 milhões de pessoas contraíram o coronavírus desde o começo de sua proliferação pelo mundo.

    Tema:
    Coronavírus no mundo em meados de agosto (58)

    Mais:

    Filipinas proíbem frango do Brasil por medo do novo coronavírus
    Argentina chega a 5 mil mortes por coronavírus e ultrapassa a Itália em número de casos
    Profissionais de saúde do DF já podem se alistar para teste de vacina
    Tags:
    vacina, pandemia, COVID-19, novo coronavírus, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar