23:35 30 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    Coronavírus no mundo em meados de agosto (58)
    13871
    Nos siga no

    Segundo informou na manhã de sábado (15) o Ministério da Saúde da Rússia, foi lançada a produção da vacina Sputnik V contra o coronavíris.

    "Foi lançada a produção da vacina contra a nova doença infeciosa COVID-19 elaborada pelo Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya do Ministério da Saúde da Rússia", informa o comunicado da entidade.

    O registro da primeira vacina no mundo contra o novo coronavírus SARS-CoV-2 foi anunciado em 11 de agosto pelo presidente da Rússia Vladimir Putin. A vacina elaborada pelo Сentro Gamaleya foi denominada Sputnik V.

    Sputnik V foi elaborada com participação do Fundo Russo de Investimentos Diretos. O diretor-geral do fundo, Kirill Dmitriev, informou que a Rússia recebeu encomendas de mais de 20 países para aquisição de cerca de um bilhão de doses da vacina. Dmitriev também notou que a Rússia assinou acordos com cinco países para a produção da Sputnik V. O estado brasileiro do Paraná também vai participar da fase 3 de testes da vacina e provavelmente da produção.

    Produção de vacina contra SARS-CoV-2 na fábrica farmacêutica Binnofarm (parte do Grupo Sistema), região de Moscou, Rússia
    © Sputnik / Serviço de imprensa da Sistema
    Produção de vacina contra coronavírus na Rússia

    A vacina será aplicada em duas doses, com um intervalo de 21 dias, por injeção intramuscular. Segundo o Ministério da Saúde russo, esse esquema de administração permite criar uma imunidade por até dois anos.

    O ministro da Saúde russo, Mikhail Murashko, anunciou na sexta-feira (14) a publicação de dados sobre os estudos pré-clínicos e clínicos da vacina, adicionando que a crítica da Sputnik V por parte de outros países está ligada à "falta de dados", e destacou que nem todos sabem que essa "vacina foi produzida em uma plataforma com a qual já foram produzidos seis produtos". A informação sobre a primeira vacina contra COVID-19 também está disponível no site oficial da Sputnik V.

    Tema:
    Coronavírus no mundo em meados de agosto (58)

    Mais:

    Site da vacina russa desperta vivo interesse internacional
    Apesar de grande demanda externa, Rússia só exportará vacina após atender mercado interno
    Sem vacina contra COVID-19 nos EUA, Trump comenta Sputnik V: 'Espero que funcione'
    Tags:
    Rússia, Sputnik V, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar