00:15 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    0 131
    Nos siga no

    As autoridades russas detiveram um criminoso, que teria feito reféns e ameaças, em um banco localizado no centro da capital russa de Moscou, neste sábado (23).

    De acordo com as informações prévias, pessoas teriam sido feitas reféns pelo sequestrador em uma agência bancária do Alfa Bank.

    Segundo as últimas informações, o sequestrador foi detido pela polícia e ninguém ficou ferido.

    "O sequestrador se encontrou em uma situação de vida difícil. Ele exige uma grande quantia de dinheiro da administração do Alfa Bank. De acordo com os dados preliminares, ele trabalha como entregador, entregando comida", complementou.

    Polícia da cidade de Moscou comunicou que uma pessoa desconhecida, com um saco de uma entregadora de comidas, entrou na agência bancária dizendo que estava armado com um artefato explosivo.

    Um representante dos serviços de emergência da capital informou que os agentes de segurança expandiram significativamente a área de isolamento em volta do edifício onde se localiza o banco.

    Segundo o representante do banco, nenhum funcionário dessa agência foi feito refém, mas ainda não há confirmação de que o criminoso esteja sozinho.

    "O que pode ser dito com certeza é que não há funcionários nossos na dependência. Os agentes policiais estão analisando a situação. Sabemos com certeza que ele está lá dentro, a porta está trancada. Ainda não podemos dar outros detalhes", disse o representante do banco.

    "Quanto ao número de pessoas, não posso dizer com certeza, mas de certeza que não há nem seis nem cinco."

    Mais:

    Bebê é feito de refém por um refugiado na cidade alemã de Wismar
    Desconhecido faz ao menos 1 refém na cidade de Buchholz na Alemanha
    Homem que fez mulher refém no Hospital Psiquiátrico da Baviera é detido
    Tags:
    assalto, sequestro, banco, Rússia, Moscou
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar