00:14 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    6881
    Nos siga no

    Neste sábado (9), o rapper russo Timati postou um comentário irritado em sua conta no Instagram criticando a Casa Branca por deixar de fora a União Soviética em uma mensagem de felicitações sobre a vitória sobre os nazistas na Segunda Guerra Mundial.

    A União Soviética desempenhou papel fundamental na derrota da Alemanha nazista. Mais de 27 milhões de cidadãos soviéticos morreram durante a Segunda Guerra Mundial, porém a publicação da Casa Branca feita na sexta-feira (8) cita apenas os Estados Unidos e o Reino Unido.

    Em 8 de maio de 1945, a América [Estados Unidos] e a Grã-Bretanha venceram os nazistas! O espírito da América sempre vencerá. No final, é isso que acontece.

    Diante da afirmação, Timati ficou indignado pela falta de menção do papel importante que a União Soviética desempenhou na derrota da Alemanha nazista e pediu a seus seguidores no Instagram que fossem ao perfil da Casa Branca demonstrar indignação. 

    "Todo mundo age como se nada de errado tivesse acontecido. Mas não vamos deixar barato. Vá para a conta da Casa Branca no Twitter e diga a eles o que você pensa", escreveu o rapper em russo no Instagram.

    O próprio Timati respondeu à publicação da Casa Branca, no Instagram, com acidez.

    "Vocês são demais. Vocês desempenharam o papel principal na derrota dos nazistas, não deixaram que os nazistas tomassem Leningrado [atual São Petersburgo], venceram a Batalha de Stalingrado e seus soldados ergueram a bandeira sobre o Reichstag. Pessoal, vocês são os melhores", escreveu com sarcasmo o cantor.

    No Twitter, uma resposta do jornalista Ben Norton apontando que a afirmação da Casa Branca é falsa recebeu mais curtidas que a própria mensagem dos norte-americanos.

    ​Completamente falso: foi a União Soviética que derrotou a Alemanha nazista, não os EUA e o Reino Unido. Ao longo da maior parte da Segunda Guerra Mundial, os EUA e o Reino Unido enfrentaram apenas 10 divisões alemãs no total. Os soviéticos sozinhos enfrentaram mais de 200 divisões alemãs. A Casa Branca está tentando reescrever a história.

    Caças multifuncionais russos de 5ª geração Su-57 durante o Dia da Vitória em Moscou
    © Sputnik / Vladimir Astapkovich
    Caças multifuncionais russos de 5ª geração Su-57 durante o Dia da Vitória em Moscou

    Nesta dia 9 de maio, a Rússia comemorou os 75 anos da vitória contra os nazistas homenageando os milhões de soldados da União Soviética que deram suas vidas durante a Segunda Guerra Mundial. Apesar dos cuidados contra a pandemia da COVID-19, dezenas de aeronaves prestaram homenagens no Dia da Vitória em Moscou.

    Mais:

    Embaixador da Rússia nos EUA destaca papel da URSS na derrota do nazismo
    Grande desfile aéreo toma o céu de Moscou pelos 75 anos do Dia da Vitória (VÍDEO, FOTOS)
    Moscou tem show de acrobacia aérea no 75º Dia da Vitória (VÍDEO)
    Dia da Vitória para nunca ser esquecido
    Tags:
    COVID-19, Reino Unido, EUA, Rússia, União Soviética
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar