00:41 30 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    8351
    Nos siga no

    A Rússia não deixará sem resposta as sanções de Washington contra indivíduos e empresas russas por supostos crimes cibernéticos.

    A assertiva partiu do próprio Ministério das Relações Exteriores da Rússia nesta sexta-feira (6).

    O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos anunciou na quinta-feira (5) que o governo dos EUA impôs sanções a 17 indivíduos supostamente vinculados a uma organização criminosa virtual da Rússia chamada Evil Corp., que coordenava ataques de malware e foi acusada de roubar cerca de US$ 100 milhões em 40 países.

    "Se os Estados Unidos tivessem evidências reais, teriam solicitado às autoridades competentes russas que conduzissem uma investigação, por exemplo, com base no Tratado bilateral de assistência mútua de 1999 em matéria penal. Até onde sabemos, esse pedido não foi recebido", disse o ministério em um comunicado.

    A chancelaria russa também classificou as sanções como "ataques" e garantiu que não ficarão sem resposta.

    "Como os ataques americanos anteriores, este também não ficará sem resposta", enfatizou o Ministério.

    Mais:

    EUA impõem novas sanções contra pessoas e entidades da Rússia pelos laços com Síria
    Feitiço virou contra feiticeiro: 'surpreendente' efeito das sanções contra Rússia
    Homem mais rico da Europa perde US$ 1,5 bilhão por dia após ameaça de sanções dos EUA
    Especialista comenta imposição de sanções da China contra EUA
    Tags:
    Departamento do Tesouro dos EUA, Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Rússia, EUA, Washington
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar