20:38 17 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Teste do míssil de cruzeiro foi realizado no dia 18 de agosto na ilha de San Nicolas, na Califórnia, EUA. O míssil viajou por mais de 500 km, superando o que era antes estabelecidos por tratados entre EUA e Rússia.

    Rússia e China pedem reunião do Conselho de Segurança da ONU para discutir mísseis dos EUA

    © AP Photo / Scott Howe
    Rússia
    URL curta
    1241
    Nos siga no

    A Rússia e a China pediram nesta terça-feira (20) uma reunião do Conselho de Segurança da ONU depois que Washington anunciou seus planos para desenvolver e implantar mísseis de médio alcance.

     A declaração foi dada à Sputnik pelo representante permanente interino da Rússia na ONU, Dmitri Polianski.

    "Hoje pedimos ao lado chinês que convoque uma reunião do Conselho de Segurança da ONU em relação às declarações dos EUA sobre seus planos de desenvolver e implantar mísseis de médio alcance", disse Polianski.

    A reunião está prevista para 22 de agosto.

    O Pentágono informou que realizou no dia 18 de agosto um teste de voo de um míssil de cruzeiro convencional lançado do solo, que atingiu seu alvo depois de voar mais de 500 quilômetros.

    No dia 2 de agosto, Washington saiu definitivamente do INF, que proibia o uso de mísseis de cruzeiro com alcance entre 500 e 5.500 quilômetros.

    Mais:

    Fim do tratado INF 'abre caminho perigoso para inverno nuclear', diz especialista
    Trump comenta 'explosão de míssil' na Rússia: temos tecnologia mais avançada
    EUA realizam teste de míssil banido pelo INF (VÍDEO)
    Tags:
    INF, Rússia, Estados Unidos, míssil
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar