19:21 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    O presidente russo Vladimir Putin e o presidente da China Xi Jinping durante as negociações russo-chinesas no âmbito do fórum internacional Um Cinturão e uma Rota

    Visita de Xi à Rússia marca aproximação e assinatura de 30 acordos entre os países

    © Sputnik / Aleksei Nikolsky
    Rússia
    URL curta
    9410
    Nos siga no

    China e Rússia assinarão cerca de 30 acordos, assim como uma declaração de reforço na estabilidade estratégica, durante a visita do presidente Xi Jinping a Moscou, disse o assessor do Kremlin, Yuri Ushakov, nesta terça-feira (4).

    "No dia 5 junho, o que é amanhã, haverão conversas de alto nível em dois formatos - primeiro, um formato mais abrangente de conversas, depois negociações com as delegações, com presença de todos as cinco comissões inter-governamentais", disse Ushakov a repórteres.

    O primeiro aperto de mão entre os presidentes Trump e Putin
    © REUTERS . Steffen Kuggler/Governo Federal da Alemanha
    Segundo acrescentou o assessor, os líderes assinarão uma declaração conjunta pelo desenvolvimento das relações entre os países que tem alçar a parceria dos países a uma "nova era".

    Os documentos assinados abrangem a uma séria de setores comerciais e áreas de interesse intergovernamentais.

    O assessor do Kremlin também ressaltou que as comissões são liderados pelo vice-premiês.

    "Nossas delegações também incluirão os líderes de comissões relacionadas a setores específicos assim como as lideranças das maiores empresas", disse Ushakov.

    O assessor presidencial acrescentou que os líderes também atenderão a uma recepção de Estado em honra a Xi Jinping e ao teatro Bolshoi.

    Mais:

    Fim do Tratado INF permite que Rússia desenvolva novas armas, afirma senadora
    EUA exigem que Alemanha aumente gastos em defesa para 'intimidar a Rússia'
    National Interest nomeia concorrente russo do F-35
    Mídia chinesa indica míssil russo que pode ser 'pesadelo' para Pentágono
    Tags:
    Kremlin, Yuri Ushakov, China, Xi Jinping, Estados Unidos, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar