05:04 25 Setembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    0 91
    Nos siga no

    Nos arquivos do Ministério para a Segurança do Estado (Stasi, a forma curta em alemão) da República Democrática Alemã (RDA) foi encontrado um documento de identificação em nome do presidente russo, Vladimir Putin, de acordo com a edição Bild.

    Segundo a matéria, até o fim da existência da RDA, Vladimir Putin era funcionário da Stasi. A identificação encontrada no departamento de arquivos de "pessoal e qualificações" na cidade de Dresden, foi emitida em 31 de dezembro de 1985 e foi revalidada até o final de 1989. De acordo com a edição, o documento de identidade contém a assinatura de Putin.

    De acordo com o diretor para os arquivos da Stasi em Dresden, Konrad Felder, a identificação permitia a Putin, que naquela época trabalhava no departamento da KGB na cidade de Dresden, a entrar sem obstáculos nas instalações da Stasi.

    O Kremlin comentou a matéria da Bild. Segundo o porta-voz do presidente russo, Dmitry Peskov, tal tipo de dados é melhor ser solicitado aos serviços respectivos, mais precisamente, ao Serviço de Inteligência Estrangeiro da Rússia.

    "Contudo, posso supor o seguinte. Como se sabe, naquela época, durante a época da União Soviética, a Stasi e a KGB eram serviços parceiros, portanto, talvez não se possa descartar a possibilidade de haver tal troca de documentos de identificação", apontou Peskov.

    Por sua vez, o Serviço de Inteligência Estrangeiro da Rússia se recusou a comentar a matéria do jornal alemão, segundo afirmou à Sputnik um representante do serviço.

    Mais:

    'Ursos aqui, ursos ali': Putin conta sobre sua viagem pelos lugares silvestres da Rússia
    Revista em quadrinhos da DC Comics com Putin vaza nas redes (FOTO)
    Tags:
    serviço secreto, documento, identificação, Dresden, Alemanha, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar