03:43 19 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Lançamento de um míssil Bulava

    Submarino russo lança rajada de mísseis intercontinentais no Oriente

    © Foto : Courtesy of Northern Fleet press service
    Rússia
    URL curta
    10400

    Um submarino russo lançou com sucesso quatro mísseis balísticos intercontinentais (ICBMs, na sigla em inglês) do mar Branco em um local de testes na península de Kamchatka, no Extremo Oriente, segundo o Ministério da Defesa da Rússia.

    O lançamento foi feito pelo submarino estratégico da classe Borey, Yuri Dolgoruky, a partir da posição submersa nesta terça-feira. Foi a primeira vez que o navio de tal classe lançou 4 mísseis balísticos intercontinentais em uma única rajada, afirmou o ministério.

    Todos os projéteis chegaram com sucesso ao seu destino nos campos de testes de Kura em Kamchatka.

    "As características táticas e técnicas, a confiabilidade do míssil estratégico da classe Borey e o sistema de mísseis Bulava foram confirmados", informou um representante da Frota do Norte da Rússia.

    Os submarinos da classe Borey podem carregar 16 mísseis balísticos intercontinentais Bulava cada, e também são armados com torpedos. Espera-se que os navios do tipo se tornem a principal classe de transportadores de mísseis estratégicos da marinha russa.

    O míssil Bulava tem o alcance máximo de cerca de 9.300 km (cerca de 5.770 milhas).

    O Yuri Dolgoruky foi lançado em 2008, tornando-se o submarino inaugural da classe Borey. Até agora, a Rússia tem quatro embarcações desse tipo construídas e mais Boreys estão em construção.

    O lançamento maciço tornou-se o primeiro teste de lançamentos do Bulava em quase um ano. Em junho passado, o Yuri Dolgoruky disparou com sucesso um míssil Bulava no mesmo terreno de testes do Kura. Naquela época, porém, o submarino nuclear foi implantado mais ao norte e operado a partir do mar de Barents.

    Mais:

    Rússia inicia testes de submarino não tripulado de nova geração
    Mídia americana se assusta com submarino russo que carrega torpedo 'apocalíptico'
    Rússia cria drone submarino capaz de mergulhar a 12.000 metros de profundidade
    Tags:
    mísseis balísticos intercontinentais, icbm, Bulava, Borey, submarino, Yuri Dolgoruky, Frota do Norte, Kamchatka, Kura, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik