18:00 21 Abril 2018
Ouvir Rádio
    Agentes do FSB durante manobras antiterroristas em porto marítimo de Kaliningrado

    Serviços secretos russos detêm apoiadores do Daesh que planejavam atentado no sul do país

    © Sputnik / Igor Zarembo
    Rússia
    URL curta
    160

    Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB, na sigla em russo) frustrou as atividades de apoiadores do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e em outros países) que planejavam atentados terroristas na região de Rostov, no sul do país, informou a assessoria de imprensa do serviço.

    Segundo o FSB, os membros da célula terrorista detidos recebiam instruções de seus líderes a partir da Síria.

    "[Os terroristas] planejavam realizar ataques terroristas impactantes na região de Rostov com uso de armas de fogo e explosivos artesanais", diz o comunicado dos serviços secretos.

    A operação do FSB resultou em detenção de três membros do grupo. O líder da célula ofereceu resistência armada e morreu durante a operação devido a detonação de um artefato explosivo.

    Após a detenção, os agentes russos apreenderam várias armas, munições, meios de comunicação e materiais com propaganda das atividades do Daesh.

    De acordo com o chefe do FSB, Aleksandr Bortnikov, no ano passado os serviços secretos russos preveniram 25 atentados terroristas, outros quatro os jihadistas conseguiram realizar. Bortnikov também acrescentou que anualmente no mundo ocorrem mais de 1.600 tais crimes, cerca de metade dos quais são organizados pelo Daesh.

    Mais:

    Tribunal determina bloqueio do Telegram na Rússia
    Fusão entre Daesh e Al-Qaeda pode gerar grupo capaz de produzir armas químicas
    Tags:
    serviços secretos, grupo terrorista, detenção, Daesh, Serviço Federal de Segurança (FSB), Rostov-no-Don, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik