00:38 19 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    1310
    Nos siga no

    O Ministério da Defesa russo confirma a construção do primeiro destróier da classe Líder de propulsão nuclear para as Forças Armadas de seu país.

    O projeto preliminar do destróier foi elaborado pela Oficina de Designer Naval do Norte.

    "O ministério da Defesa aprovou o projeto preliminar que prevê um sistema de propulsão nuclear para o futuro destróier", declarou à Sputnik uma fonte da indústria militar.

    Com o deslocamento de 17.500 toneladas, comprimento de fora a fora de 200 metros e uma manga de 20 metros, o navio poderá atingir uma velocidade até 30 nós e concluir travessias autônomas de um máximo de 90 dias.

    O novo destróier russo será equipado com 60 mísseis de cruzeiro antinavio, 128 mísseis antiaéreos teledirigidos e 16 mísseis antissubmarino.

    Atualmente, as Forças Armadas russas possuem destróieres com turbinas de gás dos anos de 1970.

    Mais:

    Rússia deve exportar cerca de US$ 50 bi em armamentos
    Caças da Força Aérea da Rússia realizam treinamentos no mar do Japão
    Rússia lançará satélite Amazonas-5 para ajudar América Central e do Sul
    Rússia revela sua nova arma antiaérea autopropulsada Samum (VÍDEO)
    Tags:
    Rússia, Forças Armadas da Rússia, destroier, propulsão nuclear, navio de guerra, mísseis de cruzeiro, deslocamento, mísseis antiaéreos, sistema antinavio
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar