07:13 13 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Building of the Parliamentary Assembly Council of Europe (PACE) in Strasbourg, France

    Rússia assina protocolo contra terrorismo, mas mantém corte de verba ao Conselho da Europa

    © Sputnik/ Vladimir Fedorenko
    Rússia
    URL curta
    531

    A Rússia assinou um protocolo adicional à convenção do Conselho da Europa sobre a prevenção do terrorismo.

    A Rússia assinou um protocolo adicional à convenção do Conselho da Europa Sobre a Prevenção ao Terror, apesar de suspender os pagamentos ao orçamento da organização, disse o serviço de imprensa do conselho à Sputnik nesta quinta-feira.

    No final de junho, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, informou o Secretário-Geral do Conselho da Europa, Thorbjorn Jagland, da decisão de Moscou de suspender a contribuição do país para 2017 ao Conselho da Europa.

    "O protocolo assinado à Convenção do Conselho da Europa sobre a Prevenção do Terrorismo (CETS 196) criminaliza uma série de ações, incluindo a participação deliberada em um grupo terrorista, treinamento para o terrorismo, viajando para o exterior com fins terroristas e financiando ou organizando tais viagens", informou o serviço de imprensa, acrescentando que o protocolo foi assinado em Estrasburgo no sexta-feira.

    O serviço de imprensa também observou que o protocolo estabelece uma rede de escritórios para trocas imediatas de informações.

    "O protocolo visa harmonizar a legislação europeia e aumentar a eficácia da cooperação dos países na luta contra o terrorismo", destacou o serviço de imprensa, acrescentando que o protocolo entrou em vigor em 1º de julho.

    O serviço de imprensa lembrou que o protocolo foi aberto para assinatura em outubro de 2015 em meio ao aumento do número de pessoas que se dirigiram para zonas de conflito, em particular para a Síria e o Iraque, para lutar pelo lado do Daesh e depois retornaram à terra natal.

    A Rússia é um dos principais contribuintes para o orçamento do conselho, juntamente com a França, o Reino Unido, a Alemanha, a Itália e, mais recentemente, a Turquia. A contribuição total de Moscou para o orçamento ajustado de 2017 era de mais de 33 milhões de euros (mais de US $ 37 milhões), de acordo com os números da organização.
    Tags:
    Convenção do Conselho da Europa sobre a Prevenção do Terrorismo, Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Daesh, Conselho da Europa, Thorbjorn Jagland, Sergei Lavrov, Itália, Turquia, Alemanha, Reino Unido, França, Estrasburgo, Rússia, Moscou
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik