04:57 20 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    0121
    Nos siga no

    Uma pesquisa realizada pelo centro de opinião pública VTsIOM, da Rússia, revelou quais são os maiores medos da população do país, com a inflação encabeçando a lista.

    De acordo com a consulta, realizada com pessoas de diversas partes da Rússia, o temor de aumento nos preços superou todos os outros no chamado índice de medo dos entrevistados, alcançando 27 pontos na escala, que varia de —100 a +100. Em segundo lugar, ficou o receio de guerra ou conflito internacional, com 20 pontos, seguido por problemas de saúde e dificuldades para obter cuidados médicos adequados, com oito. 

    Outros medos incluem crimes em geral (3 pontos) e conflitos baseados em política ou tensões étnicas e religiosas (1 ponto). 

    Ainda segundo o VTsIOM, entre o que os russos menos temem estão fatores como redução na renda (-3 pontos), perda do emprego (-18) e brigas entre parentes (-47). 

    Os pesquisadores explicam que os temores associados a conflitos internacionais e inflação são os principais focos de ansiedade hoje na sociedade russa, consolidando uma tendência que já vem desde 2015. Por outro lado, o medo de crimes e de conflitos sociais e familiares tem apresentado quedas desde 2016.  

    A pesquisa sobre o medo dos russos foi conduzida entre os dias 22 e 27 de junho com 1.600 cidadãos maiores de 18 anos de 46 regiões e oito distritos federais da Rússia. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais. 

    Mais:

    Coreia do Norte x Daesh: de quem os norte-americanos têm mais medo?
    Não é a própria Rússia que gera maior medo na OTAN, mas... as russas
    Tags:
    Rússia, VTSIOM, russos, guerra, inflação, ansiedade
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar