15:50 25 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Lançamento da nave espacial Soyuz TMA-19M do Centro Espacial de Baikonur

    Putin anuncia decisão da Rússia sobre a exploração de Baikonur

    © Sputnik/ Maksim Blinov
    Rússia
    URL curta
    134087264

    O presidente russo, Vladimir Putin, anunciou a decisão do seu país de continuar usando o cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão, até mesmo depois da data limite do contrato de utilização – 2050.

    "Tomamos a decisão a respeito da proposta de continuarmos cooperando na área espacial e seguir usando Baikonur", disse Putin ao seu homólogo cazaque, Nursultan Nazarbayev, durante encontro a nível mais alto da União Econômica Euroasiática (UEE), realizado no Quirguistão.

    O líder russo destacou que seu país corrigirá em breve seus planos no setor espacial, levando em consideração a nova base Vostochni no Extremo Oriente, que começou a funcionar em abril de 2016 com o lançamento do foguete Soyuz para levar à órbita três satélites.

    Rússia e Cazaquistão possuem vários lançamentos conjuntos agendados a partir do cosmódromo de Baikonur e desde 2004 constroem o complexo espacial Baiterek para foguetes com tecnologias verdes.

    Em 2017, Roscosmos planeja realizar 23 lançamentos: 15 a partir de Baikonur, seis de Plesetsk (norte de Rússia) e dois de Vostochni.

    A UEE, que começou a funcionar em 2015, integra as forças das economias da Armênia, Bielorrússia, Cazaquistão, Quirguistão e Rússia.

    Mais:

    Lançamento da nave espacial Soyuz MS-02 no cosmódromo de Baikonur
    Nave espacial russa Soyuz deixa cosmódromo de Baikonur
    Tags:
    cosmonautas, colaboração, espaço, União Econômica da Eurásia, Nursultan Nazarbayev, Vladimir Putin, Quirguistão, Cazaquistão, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik