08:57 23 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Bandeiras da Rússia e União Europeia

    Incidente na Crimeia pode reforçar sanções contra Rússia

    © Sputnik / Vladimir Sergeyev
    Rússia
    URL curta
    47118

    A agência de classificação de risco Moody’s acredita que o recente incidente da prisão na Crimeia de um grupo terrorista ligado ao Ministério da Defesa da Ucrânia pode provocar o reforçar das sanções adotadas por países contra a Rússia.

    Na opinião da agência, um dos maiores problemas que a Rússia poderá enfrentar mediante uma nova onda de deterioração das relações com o Ocidente são o enfraquecimento do rublo e a retomada da fuga de capitais.

    Nesta segunda-feira (15), a Moody’s classificou a dívida soberana da Rússia como Ba1, ou seja, o país está na categoria de investimento especulativo, em que há mais riscos no reembolso da dívida.

    Anteriormente, o Vnesheconombank (Banco de Atividade Econômica Exterior, em português – uma corporação estatal russa) emitiu uma previsão indicando que a economia russa deverá crescer em 2017 0,7%.

    Vale lembrar que em 10 de agosto o Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB) informou ter prendido um grupo de cidadãos ucranianos e russos ligados ao Ministério da Defesa da Ucrânia e que pretendia realizar ataques terroristas na Crimeia. Agentes russos morreram durante a operação. Kiev, no entanto, nega qualquer envolvimento no caso.

    Tags:
    sanções, Moody's, Crimeia, Ocidente, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik