10:08 22 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    114210
    Nos siga no

    Uma tenente-coronel da Força Aérea dos EUA afirmou que suas tropas tiveram apenas algumas horas para reagir ao ataque de mísseis balísticos iranianos.

    "Fiz uma oração e pedi a Deus que guiasse minhas ações e protegesse minhas tropas [...] Resolvi colocar o destino da minha tropa nas mãos de Deus e me concentrei na execução dos planos", relatou ao Comando Central da Força Aérea dos EUA a tenente-coronel Staci Coleman, comandante do Esquadrão Expedicionário 443, na base aérea de Ain Al-Asad, no Iraque.

    Os militares norte-americanos das bases aéreas de Ain Al-Asad e Arbil tiveram apenas algumas horas para reagir aos ataques de mísseis balísticos lançados pelo Irã, segundo um relatório divulgado pela AFCENT.

    Na ocasião, mais de 100 militares norte-americanos sofreram traumatismo cranioencefálico. Apesar dos danos, a Força Aérea dos EUA teria afirmado que o prejuízo poderia ter sido ainda maior se tivessem sido atingidos equipamentos militares, que foram "salvos" pelos oficiais em terra, segundo o portal Military Times.

    Após receber a notícia sobre ataque das forças iranianas, Coleman rapidamente iniciou a desenvolver um plano de evacuação para os 160 militares que estavam sob seu comando, enquanto a outra metade seria responsável pela proteção do aeródromo.

    "Achei que qualquer um que ficasse para trás, morreria [...] A primeira onda de mísseis atingiu, e o chão começou a tremer, podendo sentir as explosões em todo o corpo", detalhou Coleman ao descrever o momento aterrorizante da queda de mísseis.

    O Irã lançou diversos mísseis contra as tropas da coalizão no Iraque após os EUA assassinarem em 3 de janeiro o comandante das forças iranianas, Qassem Soleimani.

    Mais:

    Nova classe de radares do Irã poderia ver bases dos EUA próximas a suas fronteiras (FOTOS)
    Irã passa de 80 mil casos de COVID-19; mortes chegam a 5 mil
    Israel identifica suposto espião por suspeita de ligações com inteligência do Irã
    Tags:
    Irã, mísseis, tropas, EUA, Iraque, base militar, base aérea, Força Aérea dos EUA, Força Aérea
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar