13:59 20 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Ex-agente da NSA Edward Snowden

    Snowden diz que Amazon suspende serviços de Internet no Irã para agradar EUA

    © AFP 2019 / Frederick Florin
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5510

    Edward Snowden, famoso por vazar arquivos secretos dos Estados Unidos, afirmou nesta terça-feira (6) que a Amazon deixou de hospedar sites da oposição do Irã para agradar Washington.

    "Você pode não saber, mas a Amazon administra basicamente metade da Internet em sua plataforma de nuvem. Agora eles estão cortando a vida da oposição liberal do Irã em uma tentativa equivocada de agradar — muito além do que a lei exige — um dos maiores clientes da Amazon: o governo dos EUA", disse Snowden no Twitter.

    Snowden republicou um post de Nima Fatemi, um pesquisador de segurança digital, sobre um aviso que desenvolvedores no Irã estavam recebendo da Amazon. 

    A mensagem da companhia de Jeff Bezos afirma que a Amazon tem a "política de cumprir com sanções governamentais" e que os desenvolvedores do Irã estão em um país em que a empresa "não está autorizada a fornecer serviços" e, portanto, o acesso está suspenso

    Fatemi disse que as sanções dos EUA ao Irã não incluem a proibição da prestação de serviços na nuvem como o oferecido pela Amazon. 

    O Irã está atualmente sob amplas sanções dos EUA, que foram impostas depois que Washington se retirou do acordo nuclear com Teerã.

    Mais:

    Guarda Revolucionária do Irã captura navio-tanque estrangeiro no golfo Pérsico
    Apesar das sanções, países continuam comprando petróleo do Irã
    Chanceler do Irã: aliados dos EUA têm vergonha de se unir à coalizão falha no golfo Pérsico
    Guerra contra Irã será 'mãe de todas as guerras', alerta presidente iraniano
    Tags:
    Estados Unidos, Jeff Bezos, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar