16:38 23 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Refugiados sírios à espera de transporte após atravessar a fronteira com a Turquia da cidade síria de Tal Abyad (arquivo)

    Mais de 2.200 migrantes são detidos na Turquia

    © AFP 2019 / STR
    Oriente Médio e África
    URL curta
    341

    Ao menos 2.212 imigrantes em situação irregular foram detidos na Turquia na última semana, em diferentes partes do país, segundo informou a mídia local nesta segunda-feira.

    Nesta manhã, o governo de Istambul emitiu uma ordem para que todos os refugiados sírios sem visto de residência deixem a região até o próximo dia 20. Segundo as autoridades locais, aqueles que não cumprirem a determinação deverão ser deportados. 

    A maior parte das detenções da última semana ocorreram nas províncias orientais de Van e Erzurum e em regiões costeiras, perto da Grécia e da Bulgária.

    De acordo com a agência Anadolu, grande parte desses migrantes teria se dirigido à Turquia com o objetivo de seguir viagem para países da União Europeia em seguida. Mas, em vez do sonho europeu, acabaram indo parar em hospitais ou centros de detenção para imigrantes ilegais.

    "Agência de assistência turca e ONU inauguram novo campo [para deslocados] em Idlib, na Síria."​

    Atualmente, a Turquia abriga aproximadamente 3,7 milhões de imigrantes e refugiados, segundo a Organização Internacional para Migrações.

    Mais:

    Turquia envia reforços militares à fronteira com a Síria
    Washington planeja anunciar sanções contra Turquia
    Turquia admite possibilidade de abandonar OTAN
    Tags:
    Europa, União Europeia, Anadolu, deportação, Grécia, Bulgária, imigrantes, refugiados, Síria, Istambul, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar