15:37 24 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    511
    Nos siga no

    Um ataque aéreo na noite de terça-feira atingiu um centro de detenção de imigrantes no subúrbio de Tajoura, capital da Líbia, em Tripoli, informou a Reuters, citando uma autoridade no local.

    Um ataque aéreo contra um centro de detenção de imigrantes ilegais em um subúrbio da capital líbia matou 40 e feriu 80, informou a Reuters, citando uma autoridade de saúde.

    Um representante do serviço médico de Trípoli confirmou na quarta-feira que o ataque aéreo perto da capital da Líbia realmente deixou pelo menos 40 pessoas mortas.

    "Como resultado do ataque aéreo, que atingiu um centro de detenção para migrantes indocumentados no distrito de Tajoura, 40 migrantes de vários estados africanos foram mortos e outros 80 ficaram feridos", disse Malek Merset, acrescentando que os serviços de ambulância continuaram a atender feridos.

    De acordo com o relatório anterior, o funcionário que trabalha em um departamento de combate à migração ilegal que administra a instalação, disse que houve vítimas entre os migrantes.

    Desde o início de abril, o Exército Nacional da Líbia (LNA) tem se envolvido em uma ofensiva para obter controle sobre Tripoli. O governo líbio de acordo nacional, apoiado pela ONU, tem feito uma contra-ofensiva para impedir que o LNA capture a cidade.

    De acordo com as Nações Unidas, mais de 3.800 refugiados e migrantes permanecem em centros de detenção em Trípoli, áreas próximas onde os combates estão ocorrendo.

    Tags:
    ataque aéreo, Líbia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar