10:51 18 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Avião Su-22 na base da Força Aérea síria na província de Homs, Síria, 21 de fevereiro de 2016

    Avião Su-22 sobrevive a ataque de míssil antiaéreo na Síria (FOTOS)

    © Sputnik / Ilia Pitalev
    Oriente Médio e África
    URL curta
    7550
    Nos siga no

    Um avião Su-22 das Forças Armadas da Síria sobreviveu a um ataque terrorista na província de Idlib, conseguindo chegar à base após o impacto direto de um míssil antiaéreo.

    Fotos dos fragmentos de um estabilizador horizontal da cauda do Su-22 com inscrições características foram publicadas no Twitter.

    Avião Su-22 sírio sobreviveu após o impacto de um míssil.

    De acordo com o especialista militar russo Yuri Lyamin, citado pelo jornal Rossiyskaya Gazeta, o avião foi atacado a partir de um sistema antiaéreo portátil.

    "Se o avião sofreu realmente danos, então, de acordo com informações de fontes pro-governamentais não oficiais, o piloto conseguiu chegar à base aérea e aterrissar ali com segurança", destacou o especialista militar.

    Aeronaves Su-22 de várias modificações permanecem o avião de ataque principal da Força Aérea da Síria. No começo do conflito armado neste país árabe, havia cerca de 50 aeronaves deste tipo. Atualmente permanecem cerca de 20.

    Estes caças-bombardeiros com asas de geometria variável podem transportar vários tipos de armamento com o peso total de até 3.800 quilogramas e também dois canhões de 30 mm.

    O avião pode voar a partir do solo a velocidades de até 1.350 km/h e até 2.230 km/h em grande altitude. O raio de combate é de cerca de 600 quilômetros.

    Mais:

    Caças de Taiwan pousam em estrada durante manobras militares (VÍDEO)
    VÍDEO apresenta montagem do mais recente caça Su-57 da Rússia
    Tags:
    sistema de míssil antiaéreo, avião mlitar, Su-22, Força Aérea síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar