14:19 23 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Corpo dos Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI)

    Guarda Revolucionária do Irã aumentará capacidade ofensiva após 'passo ridículo' dos EUA

    © AP Photo / Ebrahim Noroozi
    Oriente Médio e África
    URL curta
    12290

    O comandante em chefe do Corpo dos Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC) prometeu reforçar as capacidades de suas tropas como resposta aos EUA, que classificaram o IRGC como organização terrorista.

    O comandante em chefe Exército dos Guardiões da Revolução Islâmica, Mohammed Ali Jafari, prometeu aumentar a capacidade ofensiva e defensiva de suas tropas.

    A declaração foi feita à luz da decisão norte-americana de classificar o Corpo dos Guardiões da Revolução Islâmica como organização terrorista, informou a emissora iraniana IRIB.

    "Este passo dos EUA é bem ridículo porque a Guarda Revolucionária está nos corações do povo […] A Guarda Revolucionária aumentará suas capacidades defensivas e ofensivas durante este ano", disse Mohammad Ali Jafari citado pela emissora estatal.

    Na segunda-feira, o presidente norte-americano Donald Trump declarou que ia colocar os Guardiões da Revolução Islâmica na lista de organizações terroristas.

    Por sua vez, o Conselho Supremo de Segurança Nacional do Irã classificou o Comando Central dos Estados Unidos (CENTCOM, na sigla em inglês) como organização terrorista e os EUA como "país patrocinador do terrorismo".

    Mais:

    Declarar Guarda Revolucionária como terrorista permite que EUA iniciem guerra contra Irã?
    Análise: inclusão da Guarda Revolucionária do Irã na lista de terroristas sairá caro a EUA
    Guarda Revolucionária do Irã realiza fase principal de exercícios no estreito de Ormuz
    Tags:
    Comando Central das Forças Aéreas dos Estados Unidos, Corpo dos Guardiões da Revolução Islâmica (CGRI), Mohammed Ali Jafari, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar