00:01 26 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Soldado do Exército Nacional da Líbia (LNA), comandado pelo marechal Khalifa Haftar, 7 de abril de 2019

    Exército do marechal Haftar assume controle sobre campo militar ao sul de Trípoli

    © REUTERS / Esam Omran Al-Fetori
    Oriente Médio e África
    URL curta
    3100

    O Exército Nacional da Líbia (LNA), comandado pelo marechal Khalifa Haftar, estabeleceu o controle sobre o campo militar de Yarmouk, ao sul de Trípoli, comunicou uma fonte militar à Sputnik.

    "As forças do exército líbio estabeleceram o controle sobre o campo de Yarmouk, ao sul de Trípoli", disse a fonte.

    No dia 4 de abril, Haftar iniciou uma ofensiva rumo a Trípoli para a "libertar dos terroristas". Segundo fontes da Sputnik no LNA, o exército tomou o controle sem entrar em combates sobre várias regiões a sudoeste de Trípoli, bem como sobre o aeroporto internacional e a cidade de Sorman, ao sul da capital.

    Desde 2011, a Líbia está dividida entre os dois centros de poder: um no leste, com o parlamento, e outro no oeste, com o Governo de União Nacional, formado com o apoio da ONU e da UE. As autoridades do Leste do país operam independentemente de Trípoli, e colaboram como o marechal Haftar. 

    Logo após o início da ofensiva, as Forças Armadas, leais ao Governo de União Nacional, anunciaram o início de uma operação militar contra o LNA.

    A ONU vem apelando para a realização de eleições em todo o país, o que permitiria a formação de órgãos de poder legítimos e reconhecidos por todos. 

    Anteriormente, o secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, disse que os EUA exigem que as forças do LNA parem imediatamente a ofensiva contra a cidade de Trípoli.

    Mais:

    Confrontos entre tropas de Haftar e Governo de União Nacional da Líbia: dezenas de mortos
    Conselho de Segurança da ONU exige fim das operações militares na Líbia
    Exército Nacional da Líbia está controlando alguns bairros perto da capital do país
    Tags:
    ofensiva, controle, Khalifa Haftar, Trípoli, Líbia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar